Quem sou eu

Minha foto
São Paulo, SP, Brazil
A poesia é água cristalina, sacia a sede, alimenta o espírito. Já não posso mais dizer se ela quem me habita ou o contrário. Como explicar sobre? A escrita é uma lâmina afiada, um vulcão, ou apenas ilha de águas mornas, banha pés descalços... Nunca quis definir a poesia, melhor esquecer-se das explicações. Escrever passou a ser janela exposta, que por hora, mantêm-se aberta ao mundo de quem lê. *** Mineira/Paulistana/ Poeta, Escritora, Administradora de Empresas, Pós Graduada em Gestão Empresarial. Laureada com o III Prêmio Canon de Literatura e Poesia em 2010. Márcia Christina Lio Magalhães é Sócia-Fundadora da Academia de Letras Juvenal Galeno, onde ocupa a Cadeira nº 10. Diretora de Relações Culturais da ALJUG. Membro da ACE - Associação Cearense de Escritores. Este Blog é dedicado a todos os amantes da poesia e que possamos através dela, unir horizontes, atravessar oceanos, iluminar os corações, alegrar os solitários, apaziguar a alma, multiplicar as amizades, eternizar as emoções. Sejam bem vindos!*** Livros Publicados: POETAR É PRECISO - 1° edição 2010 ** A PELE QUE HABITO - 1° edição 2013.

29 de set de 2010

Cúmplice

 
    Foto: M.C.L.M


Bebe, sacia a tua sede, lembranças
Seca o sereno da vida
Escolhe caminhos só de ida,
Esquece...

Colhe,
Lambe as feridas do peito
Morre as intrigas, no leito
Clama ao perdão, a razão...

Anda,
Sem direção ou respeito
Busca a medida no terço
Olha a saudade no ar...

Pois que é verdade o desprezo
Põe na caçamba o meu beijo
Deixa essa mágoa passar...

Dá ao coração um cigarro
Traga este último trago
Ama sem medo de errar...

Pois que a paixão é veneno
Mata o ciúme terreno
Morre sem medo de amar...

(Márcia Cristina Lio Magalhães)

17 comentários:

  1. "Põe na caçamba o meu beijo"

    Do caminhão da tua poesia Márcia, eu não quero e nem vou descer...

    abraço!

    Pedro Saulo

    ResponderExcluir
  2. Não há porque ter medo do amor.
    Cadinho RoCo

    ResponderExcluir
  3. Belíssimo, Marcia Crisitina!
    Belíssimo!
    Maravilha de versos, assim, no imperativo...
    "Lambe as feridas do peito"
    Muito, muito emocionante o seu poema!
    Grande abraço e beijinhos, minha querida.

    ResponderExcluir
  4. Que este caminhão Pedro amigo possa desvendar estradas de rípio a perder de vista...rs

    abraços...

    ResponderExcluir
  5. Emoção é vê-la sempre por aqui, gosto demais da conta sô...

    beijos querida amiga Zélia!

    ResponderExcluir
  6. Nada a temer em nome da poesia Cadinho...

    abraços...

    ResponderExcluir
  7. Se tu amas uma flor que se acha numa estrela,
    é doce, de noite olhar o céu. Todas as estrelas estão floridas.

    Saint Exupéry

    Saudações Poéticas!Sempre Beijos! M@ria

    ResponderExcluir
  8. Tu já tinhas um nome, e eu não sei
    se eras fonte ou brisa ou mar ou flor.
    Nos meus versos chamar-te-ei Amor.

    Eugénio de Andrade


    BOM FDS.......BEIJOS!! M@ria

    ResponderExcluir
  9. o imperativo com açucenas na voz reforça a cumplicidade do conselheiro com o aconselhado. impossível dizer não...
    um beijinho!
    p.s. li a tua réplica oa meu comentário anterior. absolutamente verdadeira e tocante a referência ao circum-viagem. ainda por lá permence...

    ResponderExcluir
  10. Obrigada querida amiga M@ria por trazer tantos poemas lindos pra este nosso cantinho, também poético...

    meu beijo procê!

    ResponderExcluir
  11. O Circum-Viagem é tudo aquilo e muito mais Jorge amigo!

    Grande abraço...

    ResponderExcluir
  12. Um poema lindo um cantinho mágico, adorei.
    Tenha um Domingo maravilhoso
    Bjs do tamanho do infinito
    Maria

    ResponderExcluir
  13. Marcia Lindo post, Adorei como sempre postas lindos poemas.
    Beijos
    Santa Cruz

    ResponderExcluir
  14. Às vezes precisamos do Imperativo na vida.
    e quantos este vem em forma de poetar, com toda a certeza que +e mais fácil de aceitar.
    deixo-te um beijo.

    ResponderExcluir
  15. Bem vinda querida Maria, feliz em vê-la por aqui.
    Faz deste cantinho teu também! Volta mais vezes...

    Feliz semana, chão de estrelas sempre!

    beijo no coração!

    ResponderExcluir

Olá, fico feliz que estejas aqui! Agradeço por deixar um aceno, uma palavra, um pontinho que seja da tua opinião.
Faz deste cantinho teu também e volta, sempre! Deixo um beijo, com sorriso... Márcia Magalhães